Ao invés de esperar por um mover de Deus, a fé te torna em um mover de Deus – não apenas ouvinte mas participante



Deus reservou um nível mais alto para os Filhos, a Sua vontade é posiciona-los na realidade daquilo que já foi conquistado. A realidade do Reino de Deus está disponível e o acesso é pela FÉ, tudo no Reino de Deus é vivenciado pela fé, a fé sempre levará a ter aquilo que se crê. Se há fé para salvação então há salvação, se existe fé para a cura então ocorre a cura, se há fé nos dons do Espírito então ocorre a manifestação. Uma fé superficial apenas gerará experiências frágeis e rasas, mas quando a fé é desenvolvida como uma cultura um nível sobrenatural é aberto, um ambiente onde o estilo de vida celestial tem total liberdade. A fé leva a uma experiência e a experiência é moldada pela fé.
“Que lhes seja feito segundo a fé que vocês têm” [Mateus 9:29-NVI]
É impossível acessar este novo nível sem fé. E por isso está escrito “que sem fé é impossível agradar a Deus”[Hebreus 11:6], em outras palavras: Sem fé é impossível conectar a vontade do Céu com a Terra, é a condição para trazer tudo o que existe no céu para a realidade terra. Fé é a condição para um relacionamento intimo com Deus. A fé a cultura que moldou o destino de todos os heróis de Hebreus 11. O poder que os tornou capazes de impactar a história. Se a nossa geração deseja alcançar seu destino, será preciso uma fé maior, todos naquela galeria tinham uma cultura de fé, que estava muito além do que apenas conhecer Deus, aqueles homens entraram em um relacionamento onde cada passo de suas vidas dependia de Deus. O nosso desafio é viver a partir de outra realidade, a partir da realidade do céu, vivendo a cultura do céu aqui e agora, todos os dias, tomando atitudes que desafiam totalmente a lógica natural. Ainda não começamos a viver nosso dia-a-dia na revelação de quem somos e o que podemos NELE, quando essa revelação tomar nossa mente então estaremos na Cultura da Fé, pois caminhar nesta verdade somente é possível pela fé (João 1: 12).


“O Reino de Deus é o reino do coração e da mente, que se expressa na cultura”Myles Munroe


A cultura é a manifestação da crença ou do culto do coletivo, é aquilo que é cultivado, um conjunto de crenças, ações, processos, costumes e conhecimentos que quando postos em prática identificam um grupo. A fé é a identificação cultural dos filhos de Deus, nada pode identificar melhor um filho de Deus. A Cultura do Céu é a expressão da natureza e identidade do Pai e dos seus filhos, é a expressão da identidade do povo santo, uma cultura que molda o governo e o povo dos céus. Hebreus 10:38 diz que “o justo viverá pela fé”, cultivar a fé é desenvolver a própria cultura do Reino de Deus. Os filhos de Deus estabelecem a colonização da Terra vivendo a cultura do céu, cultivando a fé. A fé é o único estilo de vida legítimo para os filhos de Deus, e a cultura do reino a única cultura legítima para a Terra.

Em contraste a cultura da fé encontramos a cultura do mundo, uma mistura eclética de pensamentos e visões, que refletem a natureza do Diabo. Uma cultura de medo, materialismo, ansiedades, desesperos, impaciência, incredulidade, desesperança etc. A influência do mundo pode ser mortal para a fé. A cultura do mundo está em conflito direto com a cultura do céu. Ou nossa mente será renovada e então entraremos no potencial daquilo que fomos vocacionados ou estaremos paralisados pelo medo. A Responsabilidade de ter fé e desenvolve-la como um estilo de vida é nossa. A vontade de Deus já foi cumprida por Ele mesmo, mas não ainda pelos homens. Precisamos começar a ser a realização de Deus na terra, é isso que a Cultura da Fé faz.

photo-1443376133869-19bce1f036e1Pense bem: Qual a sua atitude diante de uma situação difícil onde tudo parece desmoronar? Se a resposta a essa pergunta não é AGIR EM FÉ, precisaremos admitir um ponto vulnerável. Diante de situações adversas notamos o quanto ainda nos movemos apenas no natural, o quanto deixamos a fé para um segundo plano. Talvez você ainda esteja no barco esperando Jesus acalme a tempestade, mas esqueceu que ele jé te alertou sobre usar a sua fé e autoridade para falar com a tempestade [Marcos 4:35-41]. Ao invés de esperar por um mover de Deus a fé te torna em um mover de Deus, não apenas um ouvinte mas um participante.

“Está escrito: “Cri, por isso falei”. Com esse mesmo espírito de fé nós também cremos e, por isso, falamos” [2 Coríntios 2:13-NVI]

O estilo de vida de Deus precisa moldar a nosso estilo de vida, e impactar a terra. Deus nos chamou e nos comissionou para mudarmos o mundo, está na hora de desafiar a realidade, de confundir e abalar tudo o que pode ser abalado, através da fé. Não podemos estar no Reino e continuarmos vivendo como vivíamos antes. Eu quero te encorajar a desenvolver a Cultura da Fé, a rompendo com limitações e ciclos de incredulidade,  e começar a viver o sobrenatural com passos de fé. Entre em um lugar de dependência e relacionamento. Uma estação de confiança começou.


“Não estaremos mais acuados e fragilizados, mas posicionados para crer, declarar e agir como Deus faz.”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s